Escola de Teatro da UFBA convida para o espetáculo Apareceu a Margarida

margarida3A Escola de Teatro da UFBA convida a todos para a apresentação do espetáculo Apareceu a Margarida‘. Um monólogo tragicômico que retrata o comportamento ditatorial de uma professora que não está adequada à realidade temporal de seus alunos.

A peça foi originalmente escrita por Athayde em 1973, e de lá pra cá, já foi encenada diversas vezes Brasil à fora e se constitui no texto brasileiro mais representado fora do país. Originalmente, buscava retratar a opressão relacionada à ditadura militar, mas com o passar do tempo e o fim do período ditatorial no país, passou a destacar outras formas de repressão como os padrões comportamentais e estéticos, por exemplo.

SERVIÇO:
O que: Apareceu a Margarida
Onde: Teatro Martim Gonçalves. Av. Araújo Pinho, 27. Escola de Teatro da UFBA
Quando: 25/05 à 04/06. Quinta à domingo.
Horário: 19:00.
Quanto: Entrada Gratuita.
Foto: Aristides Alves e Diney Araújo

Campus Party é lançada oficialmente em Salvador

unnamedO lançamento oficial da Campus Party Bahia foi realizado na noite desta terça-feira (23), no Lounge da Arena Fonte Nova, em Salvador, com a presença dos secretários de Ciência, Tecnologia e Inovação, Vivaldo Mendonça, da Saúde, Fábio Vilas-Boas, e de Promoção da Igualdade Racial, Fabya Reis, além de empresários, estudantes e jornalistas. As atrações do maior evento de inovação e tecnologia do mundo – que acontecerá pela primeira vez na capital baiana, entre 9 e 13 de agosto – foram apresentadas pelo presidente da Campus Party, Francesco Ferrugia, e pelo diretor-geral do evento, Tonico Novaes.

Segundo Vivaldo Mendonça, o evento colocará a Bahia no cenário mundial de inovação. “É uma grande oportunidade. Vamos ter eventos pré-campus e pós-campus, inclusive no interior. Será um evento que vai se integrar ao calendário permanente da Bahia. Nunca se vendeu tão rápido as entradas das 3,5 mil vagas que foram colocadas à disposição do público como aqui”, afirma o secretário.

Para Francesco Farrugia, que mora há 14 anos em Salvador, promover a Campus Party é como criar uma cidade para três ou quatro mil pessoas, com alimentação, segurança, limpeza, centenas de horas de palestras, workshops e outras atividades. “Eu falei [sobre o evento] com o secretário Vivaldo Mendonça, que me apresentou ao governador Rui Costa. O governador me surpreendeu, porque ele sabia tudo sobre a Campus Party e tem as ideias muito claras. Ele falou que era o momento de fazer o evento e o apoio do Estado é fundamental”. Continuar lendo Campus Party é lançada oficialmente em Salvador

Valorizando o nosso melhor…