Vitória vence a Ponte por 2 a 0 e respira na Série B


Salvador – Com um gol de Zé Luiz e outro de Nino Paraíba, o Vitória venceu a Ponte Preta por 2 a 0 esta noite, no Barradão, e voltou a sonhar com uma vaga na primeira divisão do futebol brasileiro em 2012. Com o resultado de hoje, o rubro-negro baiano soma agora 39 pontos ganhos e fica a cinco pontos do G-4. O time baiano volta a campo sexta-feira para enfrentrar o Paraná Clube, em Curitiba. A Ponte Preta recebe o Salgueiro, na Arena da Fonte.

Mesmo com vários desfalques, nove no total, tanto por contusão, quanto por suspensão automática, a Macaca foi ao ataque nos primeiros minutos e desperdiçou duas boas chances antes dos cinco minutos. Primeiro com Ricardo Jesus, que cabeceou livre, mas a bola foi para fora, depois, no minuto seguinte, o próprio Ricardo Jesus invadiu a área e bateu cruzado, carimbando a trave do goleiro Douglas.

O Vitória, pressionado pela torcida, que imediatamente pediu raça ao time, deixou o campo defensivo e num lance rápido, Giovanni fez bom passe para Marquinhos, que bateu forte de fora da área, mas errou o alvo. Aos 24 minutos, numa troca de empurrões entre Alison, do Vitória, e Ricardinho, da Ponte Preta, ambos acabaram expulsos de campo.

Logo em seguida, cobrança de escanteio da direita e Zé Luís apareceu para desviar de cabeça e abrir a contagem para o Vitória, aos 31 minutos . O gol animou as arquibancadas e os donos da casa cresceram. Antes do intervalo, Fernandinho criou boa oportunidade em bola alçada na área, a zaga pontepretana deu rebote e Jean soltou a bomba, mas Bruno fez grande defesa.

Após o intervalo, o Vitória seguiu ofensivo, mas a Ponte contra-atacava com perigo. Aos 20 minutos, após bate-rebate na área, a bola foi levantada para Ricardo Jesus, que tinha liberdade para a finalização, mas preferiu cruzar rasteiro e a zaga afastou.

A Macaca, tocando melhor a bola no meio de campo, passou a dominar as jogadas ofensivas e o Vitória se fechou para segurar o placar. Quando a partida se encaminhava para os minutos finais, Nino Paraíba foi lançado na direita, ajeitou e bateu forte, cruzado, para vencer Bruno e fechar o marcador no Barradão.

Na próxima rodada, que começa nesta sexta-feira (30), a Ponte Preta recebe o Salgueiro, na Arena da Fonte, enquanto o Vitória vai a Curitiba e encara o Paraná Clube.

Vitória 2 x 0 Ponte Preta

Vitória: Douglas; Nino Paraíba, Alison, Jean e Charles Wagner; Uelliton (Maurício), Zé Luís, Fernandinho e Marquinhos; Geovanni (Mineiro) e Fábio Santos (Neto Baiano).
Técnico: Vagner Benazzi.

Ponte Preta: Bruno, Patric, Wescley, Ferron e João Paulo (Tiago Luís); Xaves (Murilo), Mancuso, João Paulo Silva (Márcio Diogo) e Renatinho. Ricardinho e Ricardo Jesus.
Técnico: Gilson Kleina.

Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ);
Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque e Wendel de Paiva Gouveia (Todos do Rio de Janeiro);
Quarto árbitro: Manoel Nunes Lopo Garrido (BA);
Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA);
Data: 27 de setembro, às 20h30

Gols: Zé Luís (VIT), aos 31 minutos do primeiro tempo; Nino Paraíba (VIT), aos

CA: Nino Paraíba, Charles Wagner, Fábio Santos (VIT); Mancuso (PON)

CV: Alison (VIT); Ricardinho (PON)

Anúncios

Grato por sua participação!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s