Passeata com 10 mil pessoas pede acordo climático na África do Sul


Manifestação ocorre em Durban, sede da COP 17 até a próxima semana.
Conferência climática da ONU inicia segunda a fase final de negociação.

Dennis Barbosa Do Globo Natureza, em Durban

Uma manifestação de ambientalistas e integrantes de partidos políticos reuniu na manhã deste sábado (3) cerca de 10 mil pessoas, segundo a polícia, em Durban, na África do Sul, sede da COP 17, conferência climática da Organização das Nações Unidas (ONU).

Os participantes, de diversas partes do planeta, pediam aos diplomatas reunidos desde a última segunda-feira (28) na conferência um consenso para a criação de um acordo global que reduziria as emissões de gases de efeito estufa, responsáveis pela elevação da temperatura no planeta.

No protesto, ativistas seguravam faixas que mostravam frases como “a mudança climática está me matando” ou traziam em seus corpos pinturas com símbolos como o que representa o uso da energia nuclear no mundo.

Por volta das 13h, horário de Durban (9h no horário de Brasília), os manifestantes chegaram em frente ao local da conferência e iriam entregar aos participantes da COP 17 um manifesto que pedia um acordo climático comum.

Anúncios

Grato por sua participação!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s