No caminho do homem das cavernas ou no caminho da cruz


cruz-caminharCom o passar do tempo nós compreendemos as diversas discussões teológicas a respeito da verdade, da vontade de Deus, e, como funciona a ação da vontade de Deus. É uma compensação dos tempos nômades, a quem seguir, a qual grupo se aliar, com quem está a vitória diante dos inimigos e diante das dificuldades da própria existência. Todos nós queremos o êxito.

A própria nação de Israel rejeitou Jesus pela ausência de indícios de êxito. Entrada triunfante montado num animal sem elementos representativos de linhagem com perfil de dinastia, jamais seria o resgatador de Israel debaixo do jugo de Roma. Na atualidade, queremos as mesmas soluções: vitória, prosperidade, êxito, seguirmos o caminho como os que são felizes, e, toda sorte de bênçãos.

Por outro lado, queremos compreender quais são os elementos a compor a nossa prédica, a nossa prática e a nossa fé. Na leitura do Novo Evangelho, encontramos o único fundamento a sustentar toda a fé cristã. Tão simples quanto a entrada triunfante, a cruz. “E qualquer que não levar a sua cruz, e não vier após mim, não pode ser meu discípulo. (Lc. 14:27).

“E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades”. (Ef. 2:16); E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. (Fp. 2:8); e você, já pensou se estamos na contramão da Palavra de Deus? Na direção da porta larga? Se basta vida moral, sem atenção aos fundamentos espirituais; se basta fundamentos espirituais sem dignidade moral… “Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me”; (Mt. 16:14).

Caetano Barata – Poeta, ativista cultural em Simões Filho/Ba, Conselheiro do CEPA. Pedagogo formado pela UNIME/Lauro de Freitas e estudante de Direito na UNIFASS/APOIO. Escreve emhttp://www.simoesfilhoemfoco.com.br ehttp://www.cepabrasilba.org.br

Importante:

 1 – Conforme lei 9.610/98, que dispõe sobre direitos autorais, a reprodução parcial ou integral desta obra sem autorização prévia e expressa do autor constitui ofensa aos seus direitos autorais (art. 29). Em caso de interesse, use o link localizado na parte superior direita da página para entrar em contato com o autor do texto.

2 – Entretanto, de acordo com a lei 9.610/98, art. 46, não constitui ofensa aos direitos autorais a citação de passagens da obra para fins de estudo, crítica ou polêmica, na medida justificada para o fim a atingir, indicando-se o nome do autor (Caetano Barata) e a fonte www.caetanobarata.wordpress.com.

Anúncios

Grato por sua participação!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s